Resenha de Senhorita Aurora, de Babi A. Sette

Livro: Senhorita Aurora
Série: -

Autor: Babi A. Sette
Editora: -
Gênero: New Adult
Páginas: 454
Resenha por: Luke
Nicole Alves desde pequena se dedica ao ballet, com o apoio de sua mãe que mesmo sem condições se esforçava para realizar os sonhos de sua filha. Foi em um teste no Rio de Janeiro que ela conseguiu ingressar à Companhia de dança de Londres, uma das mais renomadas no mundo. Seus sonhos começaram a se realizar, mas estava apenas começando. Em outro teste em Londres ela conseguiu ser aprovada para ser a protagonista de um espetáculo, com a encenação de A Bela Adormecida, tendo o papel de Aurora. Foi no ensaio que ela conhece o frio e ríspido Daniel Hunter, um maestro famoso e meticuloso quando o assunto é fazer um trabalho perfeito.

No primeiro momento senhor Hunter, é chamado, se mostra alguém distante e reservado. Diariamente Nicole terá que aturar as críticas do maestro para se apresentar de maneira perfeita. Porém, quando os dois ficam presos em uma mansão, será a oportunidade perfeita de se conhecerem. A jovem bailarina perceberá que há algo por trás da máscara que Daniel usa para com as outras pessoas. O maestro notará algo em Nicole que despertará algo nele que há anos não sente. Será que um casal tão improvável poderá encontrar a felicidade? Ou certamente estarão buscando a destruição de suas carreiras e a crença pelo amor?
Conheço Babi A. Sette de ouvir falar, e muito bem. Seus livros são falados por serem apaixonantes e envolventes. Aproveitei para ter o primeiro contato com ela neste New Adult (que primeiramente me conquistou pela capa maravilhosa), um dos meus gêneros preferidos. Babi acertou em muitos pontos nesta trama, o que fez ganhar um fã e que está ansioso para ler suas outras obras.
Nicole é a típica jovem brasileira que não tem condições financeiras, mas com muito esforço e apoio de sua mãe seus sonhos foram se realizando. Primeiro por dançar em uma escola nobre de dança, anos depois passou em um teste muito concorrido pelo mundo inteiro para entrar em uma das mais famosas Companhias de dança de Londres. Ela leva uma vida feliz e alegre junto com sua colega de quarto Nathalia, uma amiga fiel e sincera. Sua paixão e prioridade sempre foi o ballet, sua entrega é intensa e verdadeira.
Senhor Hunter já assusta qualquer pessoa com sua fisionomia, seus cabelos longos e barba cumprida. Além disso, o maestro possui um temperamento colérico. Um homem ríspido, reservado, mal educado e sem meias palavras – com ninguém. Porém, isso é apenas uma casca para esconder um segredo. Algo que mudou sua vida e morreu interiormente anos atrás. Sua vida perdeu a cor, apenas a música é o consolo e a força que ele encontrar para continuar a viver. Quando ele conhece Nicole, de alguma maneira algo que estava apagado reacende, transformando em uma atração que ele luta diversas vezes para contê-la.
Dois personagens diferentes. Um homem que se esconde. Uma jovem que se entrega de corpo e alma. Um maestro apaixonado pela música. Uma bailarina pela dança. Mas há algo em comum que os une, a paixão pela arte. Um relacionamento que pode ser destruído por um fio, pelo comportamento agressivo de Hunter, além do mais ele é diretor de Nicole, ou seja, há algo proibido e que pode destruir principalmente a carreira dela se descobrirem.
A história é narrada pela ponto de vista de Nicole, porém algumas vezes Hunter ganha a oportunidade de expressar o seu. Nicole é uma garota batalhadora, mas sua a área sentimento em sua vida é bem crua, o que reflete em diversos comportamentos infantis. O tempo e o convívio é o remédio para que ela perceba quais escolhas tomar. Hunter, por outro lado, se mostra ser alguém impossível de encontrar algum sentimento bom nele, mas aos poucos as escamas vão caindo e o seu verdadeiro “eu” é desnudado e percebemos bom ele pode ser. A entrega dele no decorrer dos capítulos é linda de acompanhar. A obra é dividida em quatro partes e todas são mostradas uma nova fase que a protagonista entra.
A escrita de Babi é fascinante. Sua primeira obra no gênero foi com o pé direito. Contém todos os elementos que o gênero pede, sua escrita é extremamente envolvente, seus diálogos bem construídos e os conflitos são sérios e bem elaborados. Algo importante a se destacar é que um dos conflitos é algo muito importante a ser falado, não sei se não encontramos em outros livros por tabu, falta de estudo ou interesse, mas Babi inseriu um tema com muito esmero.
Para os fãs do gênero New Adult, corram logo para ler “Senhorita Aurora”. O título é algo marcante na história, a escrita da autora consegue prender o leitor desde o início e a capacidade dela despertar em nós, que estamos lendo, sentimentos tão mistos é surpreendente. Uma história sobre superação, de não ter medo do amor e que vale a pena se arriscar para ser feliz. Uma trama comovente que poderá te conquistar do começo ao fim.
A obra teve seus direitos de publicação comprado pelo Grupo Editorial Record, será publicado pelo selo Verus, em 2018.

CONVERSATION

0 comentários:

Postar um comentário

topo